29 setembro 2014

Aconteceu...

Olá estou de volta para escrever o que aconteceuu nos últimos 2 meses....

Agosto foi minha primeira viajem a trabalho para Campo Grandee-MS', estava tudo recente aqueles dias em que eu ligava para o Saulo de manhã, e se atrasava para o trabalho por que eu nao conseguia para de chorar, ligava para o meu pai conversávamos muito e então eu ia me arrumar e ia trabalha, chegava lá olhava para aquelas crianças pequenaas e caia no choroo de noovo... e quem tanto diz que eu 'abandonei' meu filho, na verdade não sabe o que é abandonar, eu ligo para ele, eu choro e sei que eu vou tê-lo para mim, ele esta diferente... mais entendo ninguém o lembra que ele tem uma MÃE, eu sou mãe dele e nunca deixarei de ser, podem fazer a cabeça dele, mais as lembranças e milhões de fotos que temos juntos e o meu querido blog nao me deixam mentir cada momento que tivemos juntos, e os mais felizes...
Iraar fazer 2 meses que nós estamos longe um do outro, e isso ainda meche demais comigo como se tivesse sido ontem, ao escutar um choro de bebe, ao ver um bebe chamar a mãe, tudo isso me doí  com saudade que tenho do meu filho.

Sai de Campo Grande, fui para Goiânia- Anápolis conheci toda a família do Leonardo, ou pelo menos parte rs', pude me distrair bastante lá, só ele sabe que teve um dia que eu chorei tanto que acordei com oos olhoos inchadoos, depois de chorar por 2 horas sem parar... eu sei que isso incomoda ele me ver sofrendo, mais ele sabe o quanto é forte o meu amor pelo meu filho, ele me  abraçava e me consolava... nesse tempo que passei lá conversava com o bebe pelo Skype, ao menos eu podia vê-lo eu ficava tao feliz e ainda fiico sempre que o vejo. 
Agora estou em São Paaulo, trabalhando, as coisas estão indo bem, já não falo mais com o Yuri e nem com o pai dele, opção dos próprios. Saulo é prioridade e tudo que estou fazendo é por ele, falar que eu o abandonei é fácil, me provocar é bom, mais estou equilibrada o suficiente para não perder a cabeça com essas coisas, eu sei da verdade e é o que ta valendo, é o que vai valer mais ainda em breve, eu tenho a consciência limpa, não bato boca, quis me atormentar dizendo que iria entrar na justiça, e acho que desistiu quando me viu tranquila, eu não tenho a família inteira do lado não, mais eu tenho as duas pessoas mais importantes do meu lado.
Eu sonho com o dia que eu irei sair contigo nos braços filho s2.

Oro pelo meu querido irmão, que sei que estas peto de mim onde eu vou, e nunca irei deixa-lo como ele disse que não iria me deixar... MBC' 


Sao paulo-Mogi guaçu




























Eu e o meu querido Noivo S2'



( Em breve faço outro post, obrigado pela atenção de ler o Mamae do Saulo )


4 comentários:

  1. te entendo amiga... passei por isso que vc passou, mas a gente sabe que se tivesse uma escolhe menos dolorida, agarraríamos né? nao liga pra quem xinga e fala mal, só vc, Deus e o meu genro sabem a dor que vc ta sentindo... fica bem! aproveita, se diverte...
    quanto ao Yuri,, deixa ele pra lá que a vida mesmo se encarrega. um dia ele vai se arrepender de ter feito essas coisas com vcs 2.
    te amo muito! apesar da gente ter se afastado, to sempre de olho rs
    bjs amiga, conta comigo pra tudo

    ResponderExcluir
  2. Nossa Marllinha eu imagino o quanto isso deve ser duro, totalmente difícil para vocês. Não sei o que levou a separação de vocês, nem mesmo a escolha do Saulo ficar com o pai... Mas você não esta fazendo nada de errado, tudo bem filho cresce rápido e você pode esta sim perdendo os melhores momentos dele... Corra atrás dos seus objetivos, se seu filho não esta sendo maltratado isso é o que importa ele não vai ter necessidade nenhuma de crescer revoltado, so porque a mae dele resolveu seguir a vida em frente, ele vai crescer, vai virar homem e vai construir a familia dele. E depois vai lhe entender perfeitamente que você fez de tudo isso pro bem dele. Isso ai, não se deixe abalar pelos comentários desnecessário, eu não consigo me imaginar passando por uma situação dessa ou parecida, eu não sei se eu conseguiria ficar longe da Esthela, mas se fosse pro nosso bem eu arriscaria sim. Oro a Deus que eu não precise passar por isso. Beijos e todo sucesso pra você. Talvez foi uma escolha boa, pois filho impede a gente de muita coisa, so Deus e eu sabe o quanto é complicado pra mim para cuidar da casa, da Esthela, marido e ainda conseguir alguem pra ficar com ela para eu poder fotografar, mas ela já está crescendo e com 2 anos ela já vai pra escola.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigado amigaaaa pela força !!

      Excluir